fbpx

Ministro da Saúde cita Positivo como a “gigante brasileira”

por | 09 / abr / 20 | Tecnologia Educacional

Durante coletiva de imprensa, Mandetta, mencionou a mobilização da empresa, em conjunto com outros parceiros, para aumentar a capacidade produtiva de ventiladores pulmonares no Brasil

Nesta quarta-feira, 8 de abril, durante mais uma coletiva de imprensa sobre a situação da pandemia do novo coronavírus no país, o Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, voltou a mencionar a mobilização da Positivo Tecnologia para aumentar a capacidade produtiva de ventiladores pulmonares no Brasil. A iniciativa tem a parceria das empresas Suzano, Klabin, Flex e Embraer, apoiadas pela Fiat Chrysler Automóveis, White Martins, Veg, e pelos bancos BTG Pactual, Itaú, Febraban (Federação Brasileira de Bancos), entre outros.

A Positivo disponibilizou todo o time no Brasil e na Ásia para atuar, principalmente, na importação de componentes e agilizar a entrega dos ventiladores pulmonares. “Devido ao contexto global, há um desafio enorme para viabilizar a fabricação de ventiladores pulmonares em tempo recorde. Por isso estamos trabalhando fortemente para vencer os desafios de conseguir ou desenvolver componentes indispensáveis para produção de equipamentos tão importantes para salvar vidas”, afirma o presidente da empresa, Hélio Rotenberg.

A iniciativa das empresas começa com a produção de 6.500 respiradores, sendo 5.760 ventiladores de transporte e emergência (aparelho de ventilação pulmonar para reanimação basead) e 740 ventiladores pulmonares eletrônicos neonatal pediátrico e adulto (Oxymag).

“Assinado esse contrato vamos ter a previsão de entrega de respiradores por semana, o que vai dar muita segurança ao fornecimento destes equipamentos para dar suporte aos hospitais públicos no atendimento à população. Uma vez produzidos no Brasil, ganhamos autonomia perante as compras internacionais, que ainda estão frágeis”, explica o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.

Atualmente, o Brasil contabiliza 65.411 respiradores/ventiladores, sendo que 46.663 estão disponíveis no Sistema Único de Saúde (SUS).

Tratamento para os pacientes graves

Uma das complicações que podem aparecer em decorrência da Covid-19 é a pneumonia, que produz um processo inflamatório atingindo os pulmões de forma severa. Neste quadro, os pacientes não conseguem respirar sozinhos e, por isso, necessitam de suporte ventilatório. Portanto, o respirador mecânico, ou ventilador, é fundamental para tratar casos graves e gravíssimos da doença. Normalmente, esses equipamentos estão disponíveis em leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) e são fundamentais para preservar a vida.

Assista à coletiva de imprensa em que o ministro da Saúde se refere à mobilização das empresas e, em 2’30’’ do vídeo, reconhece a força-tarefa da Positivo Tecnologia.

Conheça o programa “Do mundo para a escola”, iniciativa da  Tecnologia Educacional para apoiar a comunidade escolar durante a pandemia da Covid-19.

por | 09 / abr / 20 | Tecnologia Educacional

Schood é destaque entre soluções inovadoras do Brasil

Positivo Tecnologia recebe prêmio nacional de inovação e presidente da companhia ressalta a pulseira inteligente como uma das realizações da empresa A Positivo Tecnologia figura entre as 150 empresas selecionadas na sexta edição do Prêmio Valor Inovação Brasil 2020, a...